Em 2008 Marcelo Freixo presidiu a CPI das Milícias da Assembleia Legislativa.

Foi um marco na luta contra o crime organizado e sua articulação com o poder público. O relatório final pediu o indiciamento de 225 políticos, policiais, agentes penitenciários, bombeiros e civis. Apresentamos 58 propostas concretas para enfrentarmos essa máfia, entre elas a necessidade de cortarmos as fontes de financiamento das quadrilhas.

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK